quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Amante Desperto - J. R. Ward

Autora: J. R. Ward
Editora: Universo dos livros
ISBN: 978.85.7930.117.9
Páginas: 463


Nas sombras da noite em Caldwell, Nova York, desenrola-se uma sórdida e cruel guerra entre vampiros e seus carrascos. Há uma irmandade secreta, sem igual, formada por seis vampiros defensores de sua raça. Dentre eles, Zsadist é o membro mais assustador da Irmandade da Adaga Negra.
Tendo sido por muito tempo um escravo de sangue, Zsadist ainda carrega as cicatrizes de um passado repleto de sofrimento e humilhação. Conhecido por uma fúria que não acaba e por atos sinistros, ele é um selvagem, temido igualmente por humanos e vampiros. A raiva é sua única companheira e o terror, sua única paixão... Até que resgata uma bela vampira das garras da maligna Sociedade Redutora. Bella sente-se imediatamente enfeitiçada pela ardente força que emana de Zsadist. Entretanto, mesmo quando o desejo de ambos começa a consumi-los, a sede de vingança de Zsadist contra os torturadores de Bella o leva à beira da loucura. Agora, Bella deve ajudar seu amante a superar as feridas de seu atormentado passado e vislumbrar um futuro ao lado dela...


Zsadist é o membro mais temido da irmandade, frio, cruel, sádico, tudo isso devido ao seu passado dramático como escravo de sangue.
Bella, é uma "fêmea civíl", amiga de Mary. Ela se envolve com os irmãos quando acompanha sua amiga ao complexo da irmandade ainda em "amante eterno".
E aiiiinda em "amante eterno", Bella é sequestrada por um redutor piradão com saudades da sua mulher morta que ele por algum dano na visão acha parecida com Bella.
Trágico né? Sim, mas mais trágico do que isso, foi o fato de que Zsadist por motivo desconhecido, se revoltou totalmente com o sequestro de Bella, e até deu uma de faxineira, pra que quando ela voltasse a casa estivesse arrumadinha.(He's so cute!!!) ou (Fala sério ¬¬')  
Sério, o cara surtou legal, ficou totalmente agressivo (mais do que já era) e com uma obsessão mortal pra achar a Bella.  
Depois que ele salva Bella do cativeiro, ela se instala na mansão da irmandade porque obviamente sua casa já não é mais segura, e aí vem umas partes que ou você pensa "Ah, que fofo!" ou "Argh que saco!!", e porquê? Porque, a Bella desde o primeiro momento, se sentiu atraída por Zsadist e isso faz com que ela sempre procure por ele, e ele foge dela como o diabo foge da cruz. E não é só isso, Zsadist por si só, faz qualquer um sair correndo gritando "mamãe me salva!!!!!!!", afinal, nem mesmo Wrath se mete com ele. Maaaas, Bella é forte e persistente e não desiste dele tão fácil. (Pela Virgem do Fade, eu não acredito que ela fez o cara chorar!)
Então, quando eles meio que arruman as coisas, vemos Zsadist ser...sei lá, ser despido (por assim dizer) camada por camada, e ai sim vemos o quão realmente frágil ele é, sério, dá vontade de chorar e tentar consolar ele. Isso eu achei bem legal no livro, sabe, acabamos por entender o porque Zsadist ser daquele jeito, porque a autora nos presenteia com vários flashbacks da época em que Zsadist ainda era um escravo de sangue.   
Isso acaba por deixar aquelas partes hot da estória em segundo plano, e o melhor é que ninguém sente falta (pelo menos eu não senti), porque você fica tão mas tão envolvido pela história do Zsadist e pela luta dele para resgatar um pouco de humanidade que nós nem lembramos que essas partes existem.
Fora isso, acontecem várias coisas paralelamente, como a continuação da estória de John, que começa a treinar no complexo da irmandade, um novo personagem nos é apresentado, um que no começo você fica meio de pé atrás, e no final te deixa de queixo caído, (sério, eu não acreditei quando eu li), então obviamente eu não vou contar quem é, além disso, vemos Phury fazer um sacrifício pelo irmão (como se já não fosse sacrifício demais ser apaixonado pela shellan do seu irmão), e um tragédia envolvendo Tohrment que realmente te deixa pra baixo, mas fazer o que né? 
E os Redutores? Bom, esses daí continuam sendo motivo de raiva (fora que são uns fdp de carteirinha), sério, mesmo que as partes que envolvem os redutores sejam relativamente curtas, ainda dá raiva quando eles aparecem, afinal nós sempre queremos voltar ao que interessa que são os irmãos, né? 
A maioria (pelo o que li em muitas resenhas) dizem que este é o melhor livro de toda a série, bom eu não sei se é o melhor (eu não li a série inteira, ainda), fora que eu achei o livro tremendamente bom, sério, bom demais (é zoeira o skoob só ter 5 estrelinas), maaaas o livro que me despertou mais emoções por enquanto ainda foi "amante revelado" (em breve resenha), mesmo que tenham sido emoções do tipo, revolta, indignação ou desesperança, mas tudo bem, "amante desperto" continua sendo bom pra caramba.
Emfim, como eu sempre digo, quem ainda não começou a ler "irmandade da adaga negra" comece imediatamente porque pelo o que eu vejo a coisa vai ficar cada vez melhor.


Pessoal, espero que tenham gostado (acho que é a resenha mais longa que já fiz), comentem, por que eu realmente quero saber o que vocês acham dessa série.
Abraço á todos.  




5 comentários:

Bru disse...

Oii, então gostei muito da resenha, MAS não li nada dessa série ainda, não é por falta de vontade não rsrs, logo logo vou adquirir o primeiro.
Beijos, parabéns pela resenha gostei de verdade.

WebTeen disse...

Oi! Nunca li nenhum dos livros dessa série ainda, mas pretendo!
Beijos, adorei a resenha, só me fez querer mais haha
sucesso :*

Iasmim disse...

Nunca li nenhum dos livros dessa sério, mas tenho visto com certa frequência. Devem ser bons :)
Gostei da resenha!

http://mylittlesillyworld.blogspot.com/2011/10/amante-desperto-j-r-ward.html

Gilciany Viana disse...

Oi Paty, eu renviei o mail pra vc, mas me avisa se recebeu ou não ok! Caso não tenha recebido,entre em contato comigo, através do formulário de contato do blog me enviando seus dados para que eu possa mandar o prêmio ok! Aguardo seu contato querida..Beijões

Denise Parra disse...

Adorei a resenha. Esse é um dos livros que mais gostei devido a essas dureza de Z em aceitar o amor de bela. Parabéns...

Beijos