domingo, 21 de agosto de 2011

Amante Sombrio - J. R. Ward

Autora: J. R. Ward
ISBN: 978.85.7930.082.0
Editora: Universo dos livros
Páginas: 447


Nas sombras da noite, em Caldwell (Nova Iorque) se desenrola uma sórdida e cruel guerra entre os vampiros e seus carrascos. A Irmandade e seus caçadores e os assassinos. E existe uma Irmandade Secreta de seis vampiros guerreiros, os defensores de toda a sua raça. Nenhum deles deseja aniquilar a seus inimigos com tanta ânsia como Wrath, o campeão da Irmandade da Adaga Negra. Wrath, o vampiro de raça mais pura dos que povoam a terra, tem uma dívida pendente com aqueles que, há séculos, mataram seus pais. Quando morre um de seus mais fiéis guerreiros, deixando órfã uma jovem mestiça, ignorante de sua herança e seu destino, não resta a ele outra saída senão levar a bela jovem para o mundo dos não mortos. Traída pela debilidade de seu corpo, Beth Randall se vê impotente para resistir aos avanços desse desconhecido, incrivelmente atraente, que a visita toda a noite, envolto nas sombras. Suas histórias sobre a Irmandade a aterrorizam e a fascinam... E seu simples toque provoca chispas de um fogo que pode acabar consumindo a amb.

Quase me corroí de ansiedade para ler esse livro, e posso dizer que fez jus á todas as expectativas.
Uma romance sobrenatural, bem construído, envolvente, com personagens absolutamente cativantes, e com vários momentos....OUCH, queima!!!

Wrath é rei dos vampiros (mas não se comporta como tal) e líder da Irmandade da Adaga Negra que tem como prioridade, proteger a raça dos vampiros contra a Sociedade Redutora.
Wrath recebe um pedido de um dos membros da irmandade, Darius, para que ele ajude sua filha mestiça em sua transformação como vampira.

Nossa personagem principal, Beth, é uma mulher aparentemente normal que trabalha como repórter no jornal local de Caldwell (Nova York), cansada da rotina.
Quando seu destino se cruza com o de Wrath, ela é apresentada á um mundo completamente novo, onde a luta do bem contra o mal está sempre perto demais.

A atração entre eles é imediata, tão imediata, que eu fiquei meio pasma, quase tão pasma quanto o Wrath:

"Outro gemido ardente escapou de sua boca.
Wrath estava pasmo.
E não era o tipo de vampiro que fica atônico com frequência.
Cacete.
Aquela mestiça humana era mais fogosa do que qualquer outra mulher que conhecera na vida. E olhe que já havia apagado verdadeiras fornalhas."

 Recomendo inteiramente está série, pois a autora mostra um mundo sobrenatural novo, e vampiros com várias características humanas, mas nem de longe menos poderosos ou singulares, até porque a personalidade de cada um é marcante e incrível.
Um romance, cativante, sem ser meloso demais.
Estou ansiosíssima para ler os outros volumes da série Irmandade da adaga negra.
  
 

4 comentários:

historiasnaestante disse...

Oii!

tenho o livro aqui e quero muitooooo ler! Com a sua resenha me interessei bastante pelo Wrath :P

Beijos

Amanda disse...

Oi :)
Eu já tinha ouvido falar sobre o livro, mas nunca tinha prestado atenção.
Mas, depois da tua resenha. com certeza vou procurar. Parece ser bom mesmo.

Beijo
Amanda
Amanda's World

Denise Parra disse...

Concordo contigo em todos os pontos da sua resenha, eu queria uma rei desse só pra mim...

Beijoss

Jeniffer Yara disse...

Estava procurando pela resenha do primeiro livro dessa saga, gostei muito do que escreveu, e quando se fala em romance sobrenatural eu logo me interesso! Vou ir atrás de ler esse livros ><

Beijos